Terça-feira, 10 de Março de 2009
Guiné-Bissau

Foi no passado dia 2 de Março que uma bomba explodiu no quartel do Estado-Maior das Forças Armadas da Guiné-Bissau, matando o então chefe do Estado-Maior das Forças Armadas guineenses, Baptista Tagmé Na Waié. Pouco depois, um grupo de homens fiéis a Tagmé entrava na residência do Presidente da República guineense, João Bernardo Vieira (Nino Vieira), matando-o .

Terminava assim uma das maiores rivalidades nas esferas do poder da Guiné-Bissau, que já em outras ocasiões tinha causado grandes tensões entre os apoiantes de ambos.

Gráfico das pesquisas/dia durante Janeiro e Fevereiro por "nino" e "bissau"

 

No dia seguinte a Guiné-Bissau acordou com calma aparente, calma essa que não se reflectiu nas pesquisas por "Bissau" e "Nino", que apesar de descrescerem relativamente ao pico dia 2 de Março, mantiveram-se acima do que era habitual.

 

O funeral de Tagmé Na Waié realizou-se no dia 8, o de Nino Vieira dia 10.



publicado por Sócrates às 17:09 | link | comentar

Autores
Pesquisar blog
 
Julho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Posts recentes

Guiné-Bissau

Arquivo

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Agosto 2008

tags

todas as tags

Subscrever feeds